Three Rivers

Se você curtia "Plantão Médico" e "Emergência 911", vai gostar de "Three Rivers".

A série com as histórias do hospital que dá nome aos bois (Three Rivers), o 1º em transplante de órgãos dos EUA. No emocionante dia-a-dia de médicos que lutam com a vida e a morte o tempo todo, cada caso é cuidadosamente analisado pelo ponto de vista da equipe, do doador e do receptor, além de ser um importante informativo sobre doação de órgãos para o público.

Cada personagem ajuda a criar um mosaico equilibrado: o Dr. Andy Yablonski, cirurgião-chefe, além de um idealista nato e um médico acima de qualquer suspeita, já teve um passado bastante atribulado quando jovem, e precisa equilibrar a profissão com o fim de seu relacionamento com a esposa. Dra. Miranda Foster é uma médica dedicada que tenta, acima de tudo, livrar-se os fantasmas familiares e superar a reputaçaõ de seu pai, criador do Three Rivers. David Lee é um residente rico e um garanhão, e aprende a cada dia que nem sempre a frieza vai lhe fazer superar os obstáculos da profissão. Ryan Abbot é o novo coordenador de transplantes, um gênio em pesquisa e ávido por aprendizado que vai conquistar aos poucos os colegas de equipe. A enfermeira Pam Accosta é a assistente fiel e solidária da equipe. Dra. Lisa, outra residente em início de carreira, que ameaça um romance platônico com Yablonski. E a Dra. Sophia Jordan é a chefe de cirurgia que precisa manter todos na linha, ao mesmo tempo em que esconde sua secreta paixão do passado com o falecido Dr. Foster.

Mas quem abrilhantou mesmo a série foi o simpático Kuol. O estrangeiro da Etiópia já viu de tudo na vida, viveu em campo de refugiados, perdeu todos seus familiares e amigos e partiu para a América em busca do Grande Dr. Yablonski para fazer seu transplante de coração. Mas como não tem dinheiro e nem é americano, não serão poucos os obstáculos enfrentados por ele e pela equipe de Yablonski, que se empenha a cada episódio para encontrar uma saída. Enquanto isso, Kuol torna-se o elemento surpresa e mais agradável da série, levando sempre a esperança e a alegria à todos os quartos do Three Rivers e fazendo com que todos quisessem acompanhar de perto sua dramática e cativante aventura.

A tecnologia é outro ponto forte. Tudo é composto por equipamento de ponta, coisa realmente de primeiro mundo. Mas aí a gente coloca em pauta uma questão delicada: como primeiro em transplante de órgãos, alta tecnologia e todo um contexto social envolvido, o Three Rivers certamente é uma hospital para quem tem dinheiro.... Mesmo com todos os programas burocráticos para entrar na fila por um transplante de órgão, o dinheiro ainda é uma barreira a ser considerada, mas esse detalhe não é um item de relevância na série, e só fica evidente quando o caso de Kuol entra em discussão....

Infelizmente, a série teve uma audiência fraquíssima e foi cancelada no 8º episódio. Triste para quem acompanhava e ficou na expectativa de ao menos poder conhecer um pouco mais sobre a equipe principal.

Entre os episódios mais emocionantes, não podemos deixar de dar o merecido destaque para o 1.07 (The Luckiest Man), em que o paciente Victor, um senhor idoso que sofre há anos de ELA, uma doença sem cura que piora sua saúde a cada dia, sofre um acidente e descobre um agravamento em seu estado. É então que ele revela o desejo de ceder à luta contra a morte e partir em paz, mesmo sob o protesto da filha Laura, deixando seus órgãos para salvar pelo menos oito pacientes do Three Rivers. A situação gera discussão e comoção geral, e termina num dos pontos mais altos da breve temporada.

Vou sentir falta.... Logo abaixo, um promo do série. E clicando AQUI você confere os bastidores preparados pelo What's On.

.
.

0 comentários:

Related Posts with Thumbnails
.
Aqui você encontra
Comunicação, música, cinema, arte, publicidade, literatura, entretenimento, mundo e outros devaneios...
.
.
A loucura é uma ilha perdida no oceano da razão.
(Machado de Assis)
.
.