Bon Jovi | 25 Anos – Parte I

image Enquanto a gente fica só no aquecimento, pensando no setlist que eles vão tocar e que vamos cantar até a voz sumir no tão aguardado 6 de Outubro, vamos relembrar um pouquinho desses 25 anos de sucesso de uma das bandas que conseguiu se consagrar na história não só do rock, mas da música internacional, mesmo dividindo muitas opiniões….

Toda semana um post novo. Acompanhe!

A cada sexta-feira vou colocar por aqui algumas curiosidades e relembrar momentos marcantes da história de Bon Jovi. Tudo isso para aguentarmos a ansiedade desses próximos 2 meses de espera, que com o ingresso no mão parecem ficar ainda maiores, e para curtirmos um pouquinho da trajetória de uma banda que marcou muitas gerações….

O próprio site oficial do grupo criou uma ação bastante interessante nesse sentido, divulgando a partir dessa semana, todas as quartas-feiras, um filme do passado e um tema da semana….  Serão relembrados a cada semana dois álbuns, incluindo fotos raras, descontos em produtos de eras específicas, novos vídeos ao vivo todas as segundas, áudio de Obie todas as terças, e um filme online todas as quartas. Quase o mesmo propósito que fiz aqui à vocês. Mas juro que não copiei a idéia deles! Na verdade só descobri justamente quando entrei no site caçar material para alimentar a sessão que eu tinha idealizado…. O que é um bom sinal, pois mostra que estou na mesma sintonia que a banda… Bon Jovi, vocês estão precisando de um marketeira nova no grupo????? hehehehe….

E para começar nossa coleção de posts na espera pelo show no Morumbi, vamos falar a cada semana de uma fase da banda, seus integrantes, canções e clipes mais marcantes e outras coisitas mais…. Se no site o baú de memória vai durar 6 semanas, aqui no blog contaremos 8 semanas e meia, totalizando 10 posts na série toda (toda sexta a partir de hoje e um para aquecer na véspera do show).

Você vai pensar…. ‘Nossa, ela é louca pelo Bon Jovi’… Não é bem assim… Gosto, não nego. Mas não chega a ser uma paixão doentia… Quando eu nasci, a banda estava no auge do sucesso e era um dos grandes nomes no cenário do rock. Meu tio era adolescente, então obviamente ouvia. Eu adorava dormir na casa da minah avó, então cresci ouvindo por osmose… Quando me dei conta, estava passando férias na casa do vô, pegando os lp’s e fitas k7 escondida enquanto meu tio estava trabalhando para ouvir o quê? Bon Jovi…. Aí não tinha mais jeito… Já estava impregnado em mim. Então acho que minha relação com a banda é não apenas mais um gosto musical, mas parte da história da minha vida, da minha infância….

Mas não estamos aqui para falar de mim. Vamos falar de Bon Jovi!

 

Como tudo começou…..

Jon Bon Jovi é, inegavelmente, o centro das atenções no grupo. Não à toa a banda leva uma associação ao seu nome de nascença, originário numa brincadeira entre amigos (Bongiovi = Bon Jovi). Desde pequeno Jon (John Francis Bongiovi) envolveu-se com música, formando sua primeira banda, Raze, aos 7 anos. Aos 13, gravou We Wish You a Merry Christmas em um disco de natal de Star Wars, produzido por seu primo, que era produtor musical.

Em 78 conheceu David Bryan na escola, e fundaram juntos a banda Atlantic City Expressway (ACE), quando começaram a tocas em clubes de New Jersey. Também na adolescência Jon tocou na banda Jon Bongiovi and the Wild Ones, em que a formação já prenunciava o grupo que seria estrela mundial.

Nos anos 80 Jon conseguiu um emprego na Power Station Studios, gravadora do mesmo primo Tony Bongiovi que gravou sua primeira canção em estúdio. Ele preparou seu material e bateu em muitas portas, mas sem grandes sucesso. Então, em 83 gravou Runaway com músicos contratados, e virou sucesso imediato no verão da época. Foi aí que os futuros membros da banda, que conforme vimos já tinham se cruzado no passado, se reuniram para iniciar uma carreira que nem mesmo eles imaginavam que rumo teria. Todos sempre estiveram, de alguma forma, envolvidos com o mundo da música. Bem por isso, Richie Sambora é um dos guitarristas mais admirados do cenário rock’n’roll, ao lado de outros grandes nomes, tantoq ue quase entrou para o Kiss, além de tocar com Joe Cocker e com o grupo Mercy. Tico Torres não deixava por menos, tendo gravado com Miles Davis, ícone do jazz, e tocando ainda com The Marvelettes e Chuck Berry. Enquanto que David Bryan, depois de tocar com Jon na adolescendia, entrou para a Julliard School, renoma instituição de música e arte, assumindo a posição de recruta da turma.

E foi assim que Bon Jovi entrou para o mundo da música definitivamente, e para ficar! Runaway é o ponto de partida e um dos maiores sucessos da banda até hoje…..

imageNa crista da onda que os lançou, em Janeiro de 84 veio o primeiro cd – Bon Jovi. Foi a fase mais mais mais rock’n’roll puro do grupo. E o melhor: com a cara dos anos 80! Duas vezes disco de platina nos EUA e ouro no Canadá e na Suíça, além de Runaway o outro grande sucesso do álbum foi a contagiante She Don’t Know Me.

Hoje é até engraçado ver um ainda jovem Jon Bon Jovi com o visual country modernoso da época, cabelos à la Chitãozinho e Xororó no auge da moda, quando condicionadores não era indispensáveis, e um andar um tanto duvidoso…. Mas eu aposto que ao fim do clipe você vai ficar cantarolando o refrão em sua mente, queira você ou não…..

 

 

No próximo post vamos falar sobre o segundo álbum da banda e fase dos anos 80….. Não perca!

2 comentários:

Adelson (TD Séries) 8 de agosto de 2010 17:41  

Olá, Letícia!

Que ótima idéia para fazer o aquecimento para o show! Especialmente para quem conheceu Bon Jovi há pouco tempo, é uma oportunidade interessante para acompanhar toda a trajetória deles.

Este primeiro álbum é tão diferente do que els tocam hoje! Em algumas músicas a voz do Jon Bon Jovi chega a ser tão estridente que incomoda. risos Mas, eram outros tempos. Além de "Runaway" e "She Don't Know Me", também gosto muito de "Love Lies".

Aguardarei os próximos posts da série!

Um abraço!

Letícia 8 de agosto de 2010 17:56  

Pois é, Adelson! Até eu estou me surpreendendo com algumas coisas que estou encontrando e ainda não sabia.... hehehe

Pois é... totalmente diferente! E de tanto gritar, Jon teve um problema sério nas cordas vocais, que o danificou permanentemente... Só então passou a cantar um tom abaixo....

Acho que Bon Jovi é uma banda que viveu muitas fases, como se fosse evoluindo ao lado das tendências e de seu público, mas sempre com aquela essência única para não perder a personalidade...

Vamos ver que outras novidades e curiosidades descobrimos até 6 de Outubro! rs...

Abraço e obrigada pela visita!!

Related Posts with Thumbnails
.
Aqui você encontra
Comunicação, música, cinema, arte, publicidade, literatura, entretenimento, mundo e outros devaneios...
.
.
A loucura é uma ilha perdida no oceano da razão.
(Machado de Assis)
.
.