Como continuar lucrando com uma saga de sucesso…

91360Harry Potter, Crepúsculo, O Senhor dos Anéis… Esses são apenas alguns dos representativos títulos de casos que descobriram a receita para transformar uma saga em sucesso de longo prazo…

E por que longo prazo? Por que mesmo após o término das histórias no cinema, eles continuam reinventando maneiras de fazer a coisa toda render….

Seja lançando o box completo após o término da sequencia nos cinemas, depois relançando o título com versões estendidas, e agora versões em 3D (como foi o caso de Avatar, que ainda embutiu mais 8 minutinhos que nem fariam tanta falta e voltou pras telonas)… Fora os mil e um acessórios e coleções descendentes das obras.

Pois agora O Hobbit vem para compor mais uma etapa lucrativa da saga O Senhor dos Anéis… E é bom que seja lucrativa mesmo, porque a produção pode ser o filme mais caro da história do cinema!

As notícias já começam a pipocar dia após dia nas páginas da web. E mesmo durante o tempo de reserva do projeto, elas estavam lá, firmes e fortes, mesmo que fosse pra dizer que ele permanecia na gaveta. Isso é marketing, minha gente! Do bom….

O longa que nem começou a ser filmado e já é um dos assuntos mais comentados no mundo cinematográfico, deve ter um orçamento para a produção dos dois filmes estimado em US$ 500 milhões. O recordista até agora é Piratas do Caribe: No Fim do Mundo, de 2007, o terceiro da saga do Capitão Jack Sparrow, que custou U$ 300 milhões. E se você pensa que filmar a trilogia O Senhor dos Anéis  teve um custo aproximado ao que terá O Hobbit, engana-se. Peter Jackson, diretor e produtor dos três filmes, gastou US$ 281 milhões.

O Hobbit será dividido em dois filmes, mas a produção será feita de uma vez só. A previsão de estreia da primeira parte é para 19 de dezembro de 2012…. Ian McKellen já está confirmado, e há especulações de que Elijah Wood estará lá como Frodo…

0 comentários:

Related Posts with Thumbnails
.
Aqui você encontra
Comunicação, música, cinema, arte, publicidade, literatura, entretenimento, mundo e outros devaneios...
.
.
A loucura é uma ilha perdida no oceano da razão.
(Machado de Assis)
.
.