Nome para quê?!!

piquéAdorno e Horkheimer nesse momento se reviram no túmulo....

“Jogador namorado de Shakira vira modelo de grife.”

Essa frase tem pelo menos três combinações diferentes para se referir à uma única pessoa, menos o nome do cabra.... O que isso significa, afinal? Perda total de identidade para a indústria cultural?

Todo mundo sabe que a referência citada diz respeito ao jogador Piqué, que recentemente tem sido manchete frequente nos noticiários por seu suposto relacionamento com a não menos famosa cantora Shakira. Logo, a frase poderia ser simplesmente “Piqué vira modelo de grife”. Ponto final! Simples assim, oras!

Mas não.... “Vamos explorar a indústria cultural”, reza a mídia.... Aí entram as infinitas referências.... “Jogador”... “Namorado de Shakira”... E logo a parte do “Modelo de grife” também será outra fácil referência para o mesmo personagem em questão.

É deprimente isso... Toda e qualquer identidade se perde em função dos atributos puramente ‘mercadológicos’. De pessoal, só mesmo a digital de Piqué, que só será explorada se ele cometer um crime. Mas para a indústria cultural será então só mais uma combinação para milhares de chamadas nos noticiários de todo o mundo...

Se eu, afinal, li a notícia? Não, não li. Para mim a manchete já rendeu reflexões mais do que suficientes para uma sexta-feira em pleno fim de mês....

2 comentários:

Alair 28 de fevereiro de 2011 16:20  

Eu diria que é a globalização do poder financeiro segundo o manual de cabeceira do Capitalismo desmedido.
O que é um indivíduo perante todas as cifras alavancadas pelas mega campanhas de MKT? É mais fácil lembrar “namorado da Shakira” do que do nome dele... “Qual é mesmo???” (rs)
Com certeza ele vai dormir mais feliz e acordar mais rico - Ah se inveja matasse.... :o)
Tem uma frase interessante do Donald Trump : “A primeira lição que aprendi foi simples: se você quiser nadar entre tubarões, é melhor se tornar um deles. Um tubarão nunca é desleal ou desonesto; é implacável – e sabe muito bem o que quer.”
Como você disse, é deprimente a perda de identidade, mas na atual sociedade em que vivemos, negócios são negócios...

Bjs

Letícia 28 de fevereiro de 2011 20:20  

É Ala, de fato o preço é alto para qualquer um dos caminhos que o indivíduo escolha. Por A ou por B, sempre existirão conseqüencias....

Obrigada pela visita!!

Beijos

Related Posts with Thumbnails
.
Aqui você encontra
Comunicação, música, cinema, arte, publicidade, literatura, entretenimento, mundo e outros devaneios...
.
.
A loucura é uma ilha perdida no oceano da razão.
(Machado de Assis)
.
.