O mundo dá voltas…

imageSe há uma situação em que a máxima “de zero a herói” cai como uma luva é essa: o Brasil passou de mero componente do terceiro mundo para a menina de ouro aos olhos das grandes potências econômicas. Antes, éramos apenas o vizinho folgado e sem classe que, no máximo, servia para uma exploraçãozinha de recursos naturais com objetivo puramente financeiro. Pois não é que a situação mudou?…

Bastou uma crise de proporções inimagináveis para que os donos do dinheiro começassem a ver o país tropical por outra esfera. Em paralelo, o Brasil vivenciou uma de suas melhores fases na economia nacional. Resultado da ópera: viramos fonte de investimento!

O Brasil pulou do 15° lugar, em 2009 (o ano da terrível crise), para 5° no ranking dos países que mais receberam investimentos estrangeiros diretos em 2010, afirma um relatório da Unctad divulgado nesta terça-feira, 26. Os dados da agência da ONU para o comércio e o desenvolvimento apontam que os investimentos no Brasil aumentaram 84,6%, totalizando US$ 48,4 bilhões…

Em 2009, o Brasil havia sofrido uma diminuição de 42% no volume de investimento, uma queda acima da média mundial naquele ano. Em 2010, os Estados Unidos lideram novamente o ranking do estudo da Unctad, com ingresso de US$ 228 bilhões em investimentos diretos estrangeiros, o que representou um aumento de 49%. A China e Hong Kong são classificados de maneira distinta e ocupam, respectivamente, o segundo e o terceiro lugares, com IED de US$ 106 bilhões e US$ 69 bilhões. Em quarto, ficou a Bélgica, com US$ 62 bilhões em investimentos.

O salto do IED no Brasil em 2010 foi impulsionado pela entrada de mais de US$ 15 bilhões em dezembro, dos quais US$ 7,1 bilhões se referem à venda de 40% da unidade brasileira da companhia espanhola Repsol ao grupo petrolífero chinês Sinopec.

O 5º país em investimentos estrangeiros…. Quem diria… Para quem até ontem nos menosprezava…. Agora resta saber se o nosso país vai saber aproveitar esse momento…

0 comentários:

Related Posts with Thumbnails
.
Aqui você encontra
Comunicação, música, cinema, arte, publicidade, literatura, entretenimento, mundo e outros devaneios...
.
.
A loucura é uma ilha perdida no oceano da razão.
(Machado de Assis)
.
.